Parece mentira, mas o vestibular é de fato um divisor de águas….

Todas os sonhos que postergamos pra depois do vestibular aparecem agora, na sua frente. Não há mais escusas; nenhuma promessa. Agora é a hora.

Da minha extensa vivência de cursinho sobrou pouca coisa, mas o que ficou foi fundamental pra que eu me tornasse uma pessoa melhor.
Ambicionar metas grandiosas; determinação; disciplina e ao mesmo tempo ousadia…

Hoje , voltando ao começo de 2010, eu jamais investiria esses dois anos de novo num cursinho. Esse processo é mortificante. Eu falo pras pessoas que cursinho é uma máfia, mas tem gente que precisa passar por essa experiência pra me entender.

Ficou bem evidente que aquilo é uma máquina de fazer dinheiro. Não há conforto, nem preocupação com o aluno. Fiquei chocada com o tratamento dado aos alunos do LA. Se dependesse do cursinho eu não chegaria nunca na FAU.

Aulas de DG ministradas porcamente por um professor falso e cansado. Isso não diminui a competencia dele, mas prejudica o andamento do curso.

O RLA foi o grande desafio. Só é possível se desenvolver no desenho por iniciativa própria. Muitos alunos socados numa sala abafada e com um contato muito distante dos professores.

Essas coisas todas ,que ao longo do ano foram me cansando,desanimando. Tudo parece uma provação muto grande, que não termina nunca.

Por isso não recomendo pra ninguém o ETAPA.

É preciso abrir os olhos para um ensino mais humano. Algo que de fato seja uma ajuda e não um calvário para o vestibulando.Não desejo essa experiência pra ninguém.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s